Generalidades

Sobre elfos, anões, homens, cães e o meu Silmarillion

Para mim, J.R.R. Tolkien é um gênio. E hoje, depois de um passeio com os meus cães no parque, pude perceber como o meu bando é parecido com algumas das raças que habitam a Terra Média.

Para quem não conhece a história contada em O Silmarillion, dando um rápido overview, Eru criou os elfos, chamados os Primogênitos e os homens, chamados de Sucessores. Entretanto o Valar Aulë, impaciente com a chegada dos elfos, criou sozinho os Sete Pais dos Anões.

Tomou uma “comida de rabo” de Eru, pois os Primogênitos deveriam despertar primeiro.

Então Aulë os fez adormecer até o despertar dos Elfos.

Entre as principais características das raças temos:

  • Elfos. Confiantes, equilibrados, sábios, altos, orelhas pontudas etc.
  • Anões. Resolutos, teimosos, casca-grossa, resistentes, baixa estatura etc.
  • Homens. Ansiosos, perseverantes, características físicas diversas etc.

elfo_anao_homem

Assim sendo, agora vou lhe contar um pouco de como se formou a minha matilha.

A Hanna, a Pastor Alemão, “seria” a primogênita, pois já estava planejada e era aguardada por nós.

Porém, em um belo dia chuvoso na véspera do Natal de 2010, eis que surge o Minduin, o anão, abandonado e perdido em um terreno baldio vizinho.

Ele “despertou” para nós 15 dias antes da nossa elfa Hanna.

Assim, os meses se passaram, com apenas esses dois Filhos na Terra Média minha casa. Mas tal como na obra de Tolkien, a criação não estava completa. E em um quente mês de março do ano de 2012 da Quinta Era, eis que surge a Piquena, a “humana”, em Beleriand outro terreno baldio.

caes

E assim acaba o meu Silmarillion.

Com Hanna, equilibrada e sábia, Minduin, teimoso, briguento e durão e a Piquena, ansiosa e obstinada.

Só não planejamos ter hobbits, orcs e trolls tão cedo!

Até mais!

Ps. Todas as características das raças tolkienianas se aplicam perfeitamente aos meus cães.

2 Comments

  1. Gozado, antes de você concluir eu já estava pensando no que fariam quando aparecesse um orc. Um troll é fácil de conseguir, basta arranjar um gato… hehehe! 🙂

    Felicidades aos caninos da Terra Média e seus humanos de estimação!

    Reply

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *