Cuidado com o que você deseja

Antes de me conhecer, doce mulher, você apenas sentiu pequenos lampejos insuficientes para se tornarem chamas. Eu posso incendiá-la, mas sempre há um preço a ser pago.

A amante gozou pela última vez sob o toque dos meus lábios. Tudo foi muito rápido, e hoje a bela garota definha sob as raízes de um arbusto viçoso que plantei em homenagem ao seu encanto. As flores brancas lembram a alva pele da menina.  Quem sabe no final dos tempos ela retorne deslumbrante como na última noite de sua vida.

Share this post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email